Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.9/1562
Título: Redes sociais e empreendedorismo em biotecnologia : o processo de clusterização em torno de núcleos regionais de produção de conhecimento
Autor: Fontes, Margarida
Sousa, Cristina
Videira, Pedro
Palavras-chave: Empresas baseadas na ciência
Redes sociais
Acesso ao conhecimento
Proximidade
Biotecnologia
Data: 2009
Citação: Fontes, M.; Sousa, C.; Videira, P. Redes sociais e empreendedorismo em biotecnologia : o processo de clusterização em torno de núcleos regionais de produção de conhecimento. In: Finisterra, 2009, XLIV, 88, p. 95-116
Resumo: Este artigo3 aborda a aglomeração de novas empresas de biotecnologia em torno de núcleos de produção de conhecimento, centrando-se no papel das redes sociais no acesso ao conhecimento científico e tecnológico. A abordagem toma em consideração o impacto de várias formas de proximidade – geográfica, social, cognitiva e organizacional – no desenvolvimento de relações chave e na sua utilização para obter conhecimento científico e tecnológico. Tal permite aferir a importância relativa de fontes de conhecimento próximas e distantes e explicar as decisões tomadas pelos empreendedores em termos de mobilização das redes que lhes dão acesso. Na exploração empírica recorre-se a uma metodologia para reconstruir as redes sociais e medir os diferentes tipos de proximidade.
URI: http://hdl.handle.net/10400.9/1562
Aparece nas colecções:UMOSE - Artigos em revistas nacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
REDESSOCIAIS.pdf585,31 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.