Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.9/357
Título: Estudos de Modelos e Caracterização do Comportamento Mecânico da Madeira
Autor: Santos, José António dos
Palavras-chave: Modelos
Mecânica da madeira
Módulo de elasticidade
Comportamento estrutural
Características mecânicas
Reologia
Models
Mechanics of wood
Models of elasticity
Structural behaviour
Mechanical properties
Rheology
Data de Defesa: 2007
Editora: Universidade do Minho - Departamento de Engenharia Mecânica
Citação: Santos, José António. Estudos de Modelos e Caracterização do Comportamento Mecânico da Madeira. Braga: Universidade do Minho, 2007. 273p.
Resumo: Sendo a madeira um material com características muito próprias, iniciou-se este trabalho com uma explicação sobre a sua origem, formação, singularidades e características básicas, nomeadamente as de maior importância para o desempenho estrutural, como o teor em água, as tensões internas e as retracções. De seguida foi revista a teoria da mecânica dos materiais no que se pensa poder ser importante para a compreensão do comportamento da madeira, que se distingue de outros materiais melhor estudados, sobretudo por uma completa anisotropia do arranjo estrutural e propriedades, além de manifestar intensamente a variabilidade normal em produtos de origem natural, o que muito dificulta a sua utilização em projecto. Foi ainda passada em detalhe uma revisão das várias normas e procedimentos relativos à caracterização mecânica da madeira. Em cumprimento dos objectivos do trabalho cumpriu-se um exigente programa de ensaios laboratoriais, não só por procedimentos conhecidos em normas, mas também em repetição de estudos recentes encontrados na bibliografia, e ainda desenvolvimento de novos procedimentos de ensaio. A interpretação dos resultados experimentais permitiu concluir o trabalho com a apresentação de novos modelos destinados à compreensão e caracterização do comportamento mecânico da madeira quando submetida a esforços de flexão, tracção, compressão e corte. Foram também consideradas as vertentes do comportamento reológico, nomeadamente o visco-elasticidade e viscoplasticidade da madeira, através de ensaios de fluência e de relaxação de tensões, assim como a respectiva modelação. Foram também identificadas as dificuldades de aplicação à madeira dos modelos informáticos de cálculo já muito rigorosos na resposta ao comportamento de materiais isotrópicos. O estudo teve como matéria-prima amostras de duas das mais importantes espécies de madeira produzidas em Portugal, o pinho bravo e o eucalipto. Muitas das aplicações práticas encontram-se dependente de cálculo e projecto de elementos estruturais. O aumento da fiabilidade do comportamento mecânico da madeira renova o potencial do seu uso em maior escala e em produtos de maior valor acrescentado, aliando vantagens de segurança, criatividade estética e de uma forma global, um impacte ambiental positivo.
Descrição: Tese de Doutoramento em Engenharia Mecânica, Universidade do Minho, 2007
URI: http://hdl.handle.net/10400.9/357
Aparece nas colecções:UEP - Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
TESE J. Ant. SANTOS.pdf6,87 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.