Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.9/542
Título: Dados Geoquímicos de Base de Sedimentos Fluviais de Amostragem de Baixa Densidade de Portugal Continental: Estudo de Factores de Variação Regional
Autor: Ferreira, António Miguel Pereira Jorge
Palavras-chave: Sedimentos fluviais
Solos
Portugal Continental
Variação Regional
Geoquímica
Data de Defesa: 2000
Citação: Ferreira, António Miguel Pereira Jorge. Dados Geoquímicos de Base de Sedimentos Fluviais de Amostragem de Baixa Densidade de Portugal Continental: Estudo de Factores de Variação Regional. Dissertação apresentada à Universidade de Aveiro para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Doutor em Geociências. Universidade de Aveiro. Departamento de Geociências. 2000.
Resumo: A inexistência de dados geoquímicos de base que caracterizem o ambiente superficial de Portugal é o ponto de partida de um projecto decorrente no Departamento de Geociências da Universidade de Aveiro, no qual se insere este trabalho. Entre 1992 e 1997 foi planeado e levado a efeito um levantamento geoquímico de sedimentos fluviais e solos em Portugal continental, com base numa densidade de amostragem baixa (1 amostra / 135 km2). Foram seguidas recomendações do projecto internacional IGCP 259 - "International Geochemical Mapping" - (DARNLEY et al., 1995), não só para a fase de amostragem, mas também para as fases seguintes de preparação, análise, tratamento dos dados e elaboração de mapas. Deste trabalho fazem parte as amostras de sedimentos fluviais decorrentes daquele levantamento. Foram colhidas em 653 locais de amostragem distribuídos de uma forma não regular mas homogénea. Determinaram-se os teores em todas as amostras (fracção granulométrica < 80 mesh) para 31 elementos - 9 elementos maiores (Al, Ca, Fe, K, Mg, Mn, Na, P, Ti) e 22 elementos traço (Ag, As, Au, B, Ba, Bi, Cd, Co, Cr, Cu, Fe, La, Ni, Pb, Sb, Sr, Th, Tl, U, V, W, Zn) por ICP-AES após dissolução com Água Régia e para 6 elementos em traço (Co, Cr, Cu, Ni, Pb, Zn) por AAS após dissolução com AcNH4. Estudou-se também a composição mineralógica de 140 amostras através da análise por DRX. Para cada elemento químico e cada mineral elaborou-se um mapa representativo da distribuição geográfica de teores. A interpretação dos resultados foi realizada não só pela observação dos mapas produzidos, mas também após análise estatística do conjunto de dados obtidos e apoiada em informação diversa disponível. Sugeriram-se e discutiram-se razões para os padrões geoquímicos observados, correlacionando-os com aspectos geológicos (litologias, ocorrência de mineralizações, zonas geoestruturais, províncias metalogénicas), condições do meio ambiente superficial, influências antropogénicas (exploração mineira, agricultura, áreas industrializadas). Realce-se o facto de o conjunto de dados resultantes daquele levantamento ser o único no nosso país que caracteriza em termos geoquímicos o ambiente superficial de Portugal continental no final do século XX.
URI: http://hdl.handle.net/10400.9/542
Aparece nas colecções:GCG - Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
cap1.pdf164 kBAdobe PDFVer/Abrir
cap2.pdf4,34 MBAdobe PDFVer/Abrir
cap3.pdf709,67 kBAdobe PDFVer/Abrir
cap4.pdf1,6 MBAdobe PDFVer/Abrir
cap5.pdf2,46 MBAdobe PDFVer/Abrir
cap6.pdf97,89 kBAdobe PDFVer/Abrir
cap7.pdf171,79 kBAdobe PDFVer/Abrir
anexo1ab.pdf3,39 MBAdobe PDFVer/Abrir
anexo1c.pdf4,11 MBAdobe PDFVer/Abrir
anexo1fm.pdf4,89 MBAdobe PDFVer/Abrir
anexo1ns.pdf4,4 MBAdobe PDFVer/Abrir
anexo1tz.pdf4,26 MBAdobe PDFVer/Abrir
anexo1tz.pdf4,26 MBAdobe PDFVer/Abrir
anexo2.pdf9,22 MBAdobe PDFVer/Abrir
anexo3.pdf2,82 MBAdobe PDFVer/Abrir
anexo4a.pdf1,4 MBAdobe PDFVer/Abrir
anexo4b.pdf8,98 MBAdobe PDFVer/Abrir
anexo4c.pdf2,28 MBAdobe PDFVer/Abrir
anexo5.pdf1,1 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.